domingo, 30 de maio de 2010

Colômbia: Exército detém ação das Farc nas eleições presidenciais

O presidente Hugo Chávez se manifestou sobre as eleições no país vizinho

O Exército colombiano apreendeu neste domingo, 30 de maio, na região do Valle, vários materiais explosivos, e descobriu 70 minas que seriam usadas pelas Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia), para prejudicar as eleições presidenciais que ocorrem hoje no país.

Ao todo, nove candidatos concorrem ao cargo, mas apenas dois estão entre os mais cotados: Antanas Mockus, do Partido Verde, e Juan Manuel Santos, do Partido da U.

Antes de iniciar hoje (30) seu programa dominical, “Alô, Presidente”, o venezuelano Hugo Chávez se manifestou a respeito das eleições na nação vizinha: Hoje há eleições presidenciais na Colômbia. Saudamos com este coração colombiano o povo da Colômbia, ao povo de Nariño, ao povo de Bolívar, porque Bolívar também é pai da Colômbia”.

Nariño e Bolívar foram os idealizadores da independência. O primeiro, na Colômbia, o segundo, na América Latina.

“Que Deus ilumine ao povo da Colômbia, para que busquem o caminho da paz, da irmandade verdadeira e não a guerra e a agressão contra outros povos”. Disse, Chávez.

“La salida de Uribe refresca a toda Colômbia e vai refrescar- assim desejo, assim creio- as relações da Colômbia irmã com a América Latina e com o Caribe. Acredito que será positiva a saída do presidente Uribe”. Comentou o líder venezuelano em uma entrevista à rede de TV CNN em espanhol, neste sábado, 29 de maio.

Desde o ano passado que a Venezuela congelou suas relações com Bogotá, por causa da instalação das bases militares norte-americanas na Colômbia.

Reações:

0 Leitor(es) opinou(aram) :

Postar um comentário

Seu comentário será publicado, logo que aprovado, conforme Política de Uso do site.

O LEITURA SUBJETIVA agradece o seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Web Statistics