sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Sean Goldman não poderá reencontrar os avós neste Natal

O Itamaraty, sede do Ministério das Relações Exteriores (MRE), comunicou ao advogado dos avós brasileiros de Sean Goldman, Carlos Nicodemos, na noite desta quinta-feira (23/12), que não será possível promover neste Natal um encontro entre o garoto e os parentes.

O advogado teria pedido ao MRE, esta semana, que tentasse intermediar um encontro entre ambos.

Nesta quinta-feira (23), o governo estadunidense se defendeu das acusações de Nicodemos, que disse que o Departamento de Estado Norte-americano teria rejeitado mediar uma visita dos avós ao menino, ao afirmar que não poderia promover um encontro entre cidadãos privados sem a devida autorização, conforme publicado pelo jornal "O Globo".



Reações:

13 comentários :

  1. Que pena desse garoto. Se ao menos a avó se conformasse e deixasse bastante claro que só quer visitação, passar o tempo com o neto, e não tentar afaná-lo novamente... tudo poderia ser diferente.

    ResponderExcluir
  2. anonimo....os avos justamente estao pedindo visitas,e David nega...eles n tao pedindo a guarda...o q eu sei e que tem um processo no Brasil para q Sean seja ouvido

    ResponderExcluir
  3. Primeiro que o Sean já foi ouvido, esse processo nada mais é que um desperdício do nosso dinheiro. Segundo que vc mesmo acabou de confirmar que a família quer trazer o Sean de volta pro Brasil. Se o intuito deles é fazer o Sean "ser ouvido" novamente, e provavelmente vão querer que ele diga que está louco pra voltar pro Brasil, não seria isso pra trazê-lo de volta? Ou eles tão movendo processo só por pura vontade de mover processos?

    Já foi noticiado que a advogada do David informou que a avó não quer visitar o neto com acompanhamento de psicólogos e falando em inglês. Isso demonstra total e completa falta de humildade. O pai, mesmo estando do lado correto da justiça, não teve problemas com visitar o Sean com monitoração.

    Não adianta, de qualquer lado que olhemos, a família brasileira está errada.

    ResponderExcluir
  4. Que pena tomara q tufo acabe bem que sean reveja sua família aqui no Brasil!!!!

    ResponderExcluir
  5. se David permitisse as visitas coomo vc diz...entao pq ele impediu as visitas JUDICIALMENTE?e n só essas visitas,como todas?e n só visitas,como telefonemas?na vespera do natal,David negou a visita mais uma vez.....mas Sean ligou pra vo,dessa vez ele falou em portugues,mas a avo disse q ele esta com dificuldades de falar em portugues,so ta falando em ingles,quando ele ligou a voz dele era de emoção...a ligação durou uns 5 minutos,uum pouco da conversa foi em portugues,mas ai Sean tava com dificuldade de se expressar,...ai avo falou pra ele falar na lingua q ele quizer,entao ele falou em ingles...tao tentando fazer ele esquecer de tudo...ate da lingua...podiam falar..."mas ele vai falar em portugues com quem nos EUA"..primeiro antes de David sair do Brasil,ele disse q ia aprender portugues..segundo de Sean tivesse contato com os avos e a irma,e outros parentes ele n ia ta assim...David ate tirou deles os celulares e um computador,ate o email de sean David ccontrola...a avo mandou um telegrama p/ o advogado de David,falando pra mandarem uma prova de q Sean estava vivo,Silvana recebeu uma mensagem em ingles,dizendo q o neto ligaria(nunca ligou),e o padrsto recebeu 2 email,em ingles...sem contato n da....

    ResponderExcluir
  6. que pena do Sean...ele tava certo quando disse..."TENHO MEDO QUE SE EU FOR PRA LA TALVEZ EU NUNCA MAIS OS VEJA"...tadinho....tava ceto...e tb tava certo quando falou..."NAO CONFIO NELE"

    ResponderExcluir
  7. quem sabe um dia RESPEITEM ESSE MENINO....

    ResponderExcluir
  8. acabei de ver 3 videos no youtube sobre o caso..veja algumas contadicoes de David Goldman e caso atualizado,parte 1 e 2..vi tb Avo de Sean Goldman deseja contato com o neto......interessante os videos

    ResponderExcluir
  9. Esta avó já se esqueceu da crueldade que ela, seu marido e sua filha fizeram com o David?
    Eles ficaram com ciumes do amor que o David tinha, tem e terá para sempre do seu único filho Sean. Eles sem piedade alguma sequestraram a criança que ainda era um bebe na época, enganaram o David, porque se ele não fosse um homem bom, não deixaria ela viajar com a criança sem a presença dele. A Bruna chegou no Brasil, com o apoio total e irrestrito dos seus pais, se sentiu a dona da situação fez exigências absurdas. Sózinha conseguiu a guarda do filho, se divorciou e casou novamente. O calvário de David todos já sabem.
    Então a avó não está em condições de exigir nada. Ela está colhendo o que plantou, sofra o mesmo que o David sofreu. Ele não causou nada, portanto, a justiça e as pessoas de bem estão todos a lado dele.
    Eu espero que a história de sofrimento de David não fique só no livro, ele deve fazer também, um filme e atuar no mesmo, pois, ele é um homem lindo e que o seu único defeito é amar seu filho incondicionalmente.

    ResponderExcluir
  10. A mãe de Sean, Bruna, assim como, os avós meternos, não tiveram piedade do pai de Sean, quando sequestraram a criança. Eles sabiam o amor que David tinha, tem e terá sempre pelo filho. O crime que eles cometeram não tem perdão, tanto que a Bruna jpa teve o que merecia; porque você pode se separar, mas, tem que ser correta e fazer tudo dentro da lei. o que eles não fizeram, muito pelo contrário. Quiseram apagar a existência de um pai que sofria terrivelmente a ausência do filho; enquanto a Bruna já estava em outra, feliz, a custa do sofrimento do pai. Ela não teve nehuma pena do David quis o filho de ambos,só para ela, a liberdade, o filho e o direito de apagar o verdadeiro pai da vida da criança. Tudo isto, diabilicamente arquitetado com o apoio dos pais dela. Se eu fosse o David só não deixava eles visitá-los como mandaria prendê-los como sequestradores. O resto é coisa de famílias poderosas que estavam acostumadas a fazer tudo porque tem dinheiro, só no Brasil isto acontece. Espero que os políticos brasileiros, a justiça e o Zé Dirceu tenha aprendido a lição.

    ResponderExcluir
  11. Sean já tem 10 anos, ele deve ser ouvido. O governo americano é ou não um país democrático?! Sean viveu sua vida com a família brasileira, jamais deveria ter saído daqui... Ele tem que ser ouvido, os EUA devem respeitar a vontade de Sean e não tentar aparentar uma imagem que está tudo bem sem estar... Respeitem esta criança, ele tem sentimentos, se ele quiser voltar deixem ele voltar para o Brasil... As crianças devem ser ouvidas também....

    ResponderExcluir
  12. Esse David está saboreando o gosto da vingança as custas dos sentimentos do seu filho. Está comentendo o mesmo erro que a família brasileira cometeu.
    Se ele ama tão incondicionalmente o menino assim, porque não permitir que ele seja feliz tendo por perto todos que o amam?
    O garoto pode morar com ele, mas porque não pode ver o resto de sua família? Ele acha que é saudável apagar a força o passado da vida de alguém? Certo ou errado, esse menino foi tratado com muito amor aqui no Brasil...e ele está tentando fazer com que o menino ache que não tem mais família por aqui. Isso não é amor. Amor é querer ver a pessoa que amamamos feliz.

    ResponderExcluir
  13. O "destino" fez com a filha de Bruna o mesmo que ela fez com David...O David ficou sem seu filho por um período e sua filhinha não terá sua mãe para sempre...temos que ter cuidado com nossas ações...elas tem reflexos!

    ResponderExcluir

Seu comentário será publicado, logo que aprovado, conforme Política de Uso do site.

O LEITURA SUBJETIVA agradece o seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Web Statistics