domingo, 13 de março de 2011

Japão: mais de 400 tremores desde a tragédia

Informação atualizada em 13/03/2011, às 23h11

Mais de 1.500 mortos. No entanto, número poderia chegar a 10 mil.

Pelo menos 457 tremores foram registrados no Japão, desde a última sexta-feira (11/3) até às 16h42, deste domingo (13), com variação entre 4,7 a 8,9 graus Richter, após um fenômeno de magnitude 8,9 de mesma escala e um tsunami de 10 metros de altura terem devastado o país, conforme dados do Serviço Geológico dos EUA.

Vídeo: YouTube/Reprodução



Momento em que carros são arrastados pela força das ondas

Alertas de novos tsunamis já foram suspensos, no entanto, a maior preocupação é as usinas nucleares, algumas delas com vazamento de materiais radiativos, que poderiam causar doenças, como o câncer, por exemplo, depois de apresentarem dificuldades para resfriar os reatores, principalmente na região de Fukushima.

Pelo menos 46 mil imóveis foram completamente destruídos. Cerca de 5.700 estão com a estrutura comprometida.

Mais de 310 mil pessoas estão desabrigadas. Pelo menos 200 mil delas tiveram que deixar suas casas, para evitar exposição à radiação emitida das usinas.

1.596 mortes já foram confirmadas, enquanto outras 10 mil pessoas estão desaparecidas, o que faz com que as autoridades acreditem que também tenham morrido.

O Google informou neste sábado (12), que está fazendo uma doação de US$ 250 mil dólares, para ajudar na recuperação e no socorro às vítimas.

Imagens: Google

Região de Miyagi, em 2007.


Reações:

0 Leitor(es) opinou(aram) :

Postar um comentário

Seu comentário será publicado, logo que aprovado, conforme Política de Uso do site.

O LEITURA SUBJETIVA agradece o seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Web Statistics