sábado, 19 de março de 2011

Japão: mortes já passam dos sete mil

Informação atualizada em 20/03/2011, à 1h44

Detectaram radiação em leite e espinafre

Pelo menos 7.320 mortes já foram confirmadas pelas autoridades japonesas, por causa do terremoto de 9 graus Richter, do último dia 11, que sacudiu o país, e consequentemente, gerou um tsunami de mais de 10 metros de altura.

A estimativa era de que chegasse a 10 mil mortos, no entanto, mais de 11 mil pessoas ainda continuam desaparecidas. As maiores baixas foram registradas na província de Miyagi, com 4.289, até o momento. Enquanto, na região de Fukushima, alvo das preocupações internacionais, devido aos problemas apresentados pelos reatores, apenas 619 vítimas fatais.

Foram encontrados níveis elevados de radiação em uma fazenda produtora de laticínios, em Fukushima, e em espinafre, de acordo com a emissora local NHK. A Vigilância Sanitária daquele país suspendeu a venda de alimentos naquela localidade, por apresentar riscos à saúde.

Bombeiros estariam usando um veículo sem operador – para evitar que tenham contato com a radiação – na tentativa de pulverizar o reator 3 da usina 1, em Fukushima, jogando água do mar numa altura de 22 metros.

No reator 5, da mesma usina, a temperatura já começou a cair. Foram registrados pelo menos quatro incêndios nos reatores 1, 3, 2 e 4, respectivamente.

A ONU desaconselhou as restrições a viagens àquela nação, devido a atual crise nuclear. O Itamaraty, por exemplo, sugeriu que os brasileiros evitassem de ir para lá, até que a situação se normalizasse. Áustria e Panamá informaram que iriam transferir uas embaixadas para outras regiões, enquanto, Angola, Bahrein e Irã as removeriam temporariamente.

Mais de 520 réplicas do tremor que atingiu o país já foram registradas, desde então, com base nos dados de Serviço Geológico dos EUA (USGS, sigla em inglês).

Você vive no Japão e tem outras informações e/ou imagens? Então, conte pra gente! Deixe seu comentário ou envie um e-mail para: leiturasubjetiva@gmail.com.

Leia também:





Reações:

0 Leitor(es) opinou(aram) :

Postar um comentário

Seu comentário será publicado, logo que aprovado, conforme Política de Uso do site.

O LEITURA SUBJETIVA agradece o seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Web Statistics