sexta-feira, 8 de abril de 2011

EUA dão o troco no Equador e também expulsam embaixador

Informação atualizada em 08/04/2011, às 21h47

Motivo seria revelações feitas pelo site "Wikileaks", a partir de documentos secretos de Washington.

O Departamento de Estado norte-americano decidiu agir com a mesma reciprocidade que o governo equatoriano, ao considerar o embaixador sul-americano, Luis Gallegos, como “persona non grata”. O representante de Quito teria sido chamado pelo secretário adjunto para a América Latina, Arturo Valenzuela, por volta das 10h30 (hora local), desta sexta-feira (8/4), e foi recomendado a se retirar o mais breve possível dos EUA. O representante estadunidense disse que lamentava tomar tal decisão, mas diante das circunstâncias, não tinha outra opção.

A expulsão foi sustentada com base no artigo 9, da Convenção de Viena sobre Relações Diplomáticas. Na última quarta-feira (6), a embaixadora americana no Equador, Heather Hodges, foi considerada pelo governo de Rafael Correa como “persona non grata”, recebendo a mesma orientação que seu homólogo.

As autoridades equatorianas justificaram a expulsão da diplomata norte-americana com base nos documentos secretos de Washington, publicados pelo site “Wikileaks”, de que a mesma teria dito que havia um suposto esquema de corrupção dentro da polícia, e que inclusive era de conhecimento de Correa.

Em nota, o embaixador Gallegos – que iniciou sua função em outubro de 2005 – agradeceu à comunidade equatoriana nos EUA, afirmando ter cumprido seu trabalho no interesse do país. “A Vocês, queridos compatriotas, uma vez mais agradeço pelas inumeráveis demonstrações de apoio que recebi e meu conhecimento por seu trabalho longe do Equador, mediante o qual engrandecem cada dia mais o nome da Pátria”, disse.

Quito informou que seus escritórios nos Estados Unidos continuarão funcionando normalmente, e destacou que espera nas próximas semanas resolver essa crise.

Leia também:

Reações:

0 Leitor(es) opinou(aram) :

Postar um comentário

Seu comentário será publicado, logo que aprovado, conforme Política de Uso do site.

O LEITURA SUBJETIVA agradece o seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Web Statistics