segunda-feira, 20 de junho de 2011

20/06/2011: terremoto de 6,5 graus sacode o Chile

Um forte terremoto de 6,5 graus Richter foi registrado no Chile, às 12h35 locais (13h35 em Brasília), desta segunda-feira (20/6). Anteriormente, o Serviço Geológico dos EUA (USGS, sigla em inglês) tinha informado que o abalo foi de 6,3 graus. O epicentro de 111,3 km de profundidade foi a 87 km nordeste da região de Calama, em Antofagasta, a 1.297 km ao norte da capital Santiago.

No entanto, o Escritório Nacional de Emergência chileno (Onemi, sigla em espanhol) disse que a magnitude teria sido de 6,4 graus Richter. O fenômeno não oferecia condições que pudesse gerar um tsunami. Até a publicação desta notícia não haviam relatos de vítimas e/ou danos materiais.

De acordo com a leitora Marcela Pizarro, moradora daquele país, ao site NOTICIERO Y OPINIÓN (versão em espanhol de LEITURA SUBJETIVA), o abalo também foi sentido na região de Iquique, na costa do Pacífico.

Você vive no Chile e sentiu o tremor? Conte pra gente! Deixe seu comentário ou envie um e-mail para: leiturasubjetiva@gmail.com.

Imagem: Google Mapas


Região onde ocorreu o tremor de 6.5 graus Richter.

Terremotos anteriores

Os tremores ocorrem com bastante frequência no Chile, quase que diariamente. No dia 2 de janeiro deste ano, por exemplo, o país registrou um abalo de 7,1 graus Richter.

Já no dia 14 de fevereiro, também deste ano, outro forte terremoto, de 6,6 graus Richter, foi registrado no país.

A diferença entre o Chile e alguns outros países onde ocorrem sismos, como a China, por exemplo, que registrou hoje (20) um tremor de 5,3 graus Richter, é que a nação sul-americana está mais preparada para enfrentar esses fenômenos da natureza.

Leia também:


Reações:

0 Leitor(es) opinou(aram) :

Postar um comentário

Seu comentário será publicado, logo que aprovado, conforme Política de Uso do site.

O LEITURA SUBJETIVA agradece o seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Web Statistics