segunda-feira, 20 de junho de 2011

Prouni: inscrições até 24 de junho

Um dia após encerrar as inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), o Ministério da Educação (MEC) abriu, nesta segunda-feira (20/6), inscrições para o Programa Universidade para Todos (Prouni). O prazo vai até às 23h59, desta sexta-feira (24), conforme horário de Brasília.

Poderão concorrer os candidatos que:

- tenham feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em 2010, e conseguido fazer o mínimo de 400 pontos na média das notas;

- não possuem diploma de nível universitário;

- tenham cursado parte ou todo o ensino médio em escola pública;

- tenham cursado parte ou todo o ensino médio em colégio particular, na condição de bolsista integral;

- sejam portadores de deficiências; e

- sejam professores em escolas públicas para o magistério da educação básica, que esteja inserido no quadro permanente da instituição e que estejam concorrendo a bolsas em licenciatura, normal superior ou pedagogia. Para esses professores, a renda não será um critério analisado.

Ao todo estão sendo oferecidas 92.107 bolsas de estudo, sendo que 46.970 são de 100%, enquanto o restante, 45.137, são parciais (50%). A quantidade de ofertas já é considerada a maior desde que o Programa foi lançado em 2004, segundo o MEC.

Poderão concorrer a uma bolsa integral, os estudantes que tenham renda média per capita (por pessoa) de até um salário e meio. Para saber se Você se encaixa neste perfil, basta somar as rendas de todos os que trabalham (incluindo aposentadorias e pensões) em sua residência e dividi-las pelo número de moradores (incluindo crianças e desempregados, se houver). Se o resultado for inferior a R$ 817,50 – considerando que o salário mínimo está R$ 545 – então, significa que está dentro do perfil.

O processo é parecido com o do Sisu: o candidato precisa escolher até três opções de cursos e instituições de ensino superior, e acompanhar diariamente a nota de corte. A inscrição é realizada por meio do CPF e senha do Enem criada no ano passado. Ao todo, haverá três chamadas, conforme cronograma, abaixo:

27/6 – Resultado dos candidatos pré-selecionados em 1ª chamada;

27/6 a 6/7 – Prazo que os candidatos pré-selecionados, em 1ª chamada, têm para comprovarem as informações declaradas e, se inscreverem na faculdade indicada pelo MEC.

12/7 – Resultado dos candidatos pré-selecionados em 2ª chamada;

12/7 a 19/7 – Prazo que os candidatos pré-selecionados, em 2ª chamada, têm para comprovarem as informações declaradas e, se inscrever na faculdade indicada pelo MEC;

25/7 – Resultado dos candidatos pré-selecionados em 3ª chamada;

25/7 a 29/7 – Prazo que os candidatos pré-selecionados, em 3ª chamada, têm para comprovarem as informações declaradas e, se inscreverem na faculdade indicada pelo MEC;

6/8 a 8/8 – Período em que os candidatos não pré-selecionados nas três chamadas, ou reprovados na formação de turma, manifestarem interesse na lista de espera;

11/8 – Resultado dos candidatos que ficaram na lista de espera; e

11/8 a 18/8 – Prazo que os candidatos pré-selecionados, na lista de espera, têm para comprovarem as informações declaradas e, se inscreverem na faculdade indicada pelo MEC.

Reações:

0 Leitor(es) opinou(aram) :

Postar um comentário

Seu comentário será publicado, logo que aprovado, conforme Política de Uso do site.

O LEITURA SUBJETIVA agradece o seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Web Statistics