domingo, 17 de julho de 2011

Rio 2011: cerimônia de abertura foi marcada com apelos de paz

Pelé acende a Pira dos 5° Jogos Mundiais Militares

Imagem: LEITURA SUBJETIVA/Diego Francisco


A cerimônia de abertura dos 5° Jogos Mundiais Militares do CISM (Rio 2011) , deste sábado (16/7), no Estádio Olímpico João Havelange – o “Engenhão” – foi marcada com fortes apelos de paz. Faixas foram estendidas com a bandeira brasileira e, acima, outras com a palavra “paz” (foto 1). Tendo, inclusive, o reforço da cantora Zizi Possi, que às 20h02 cantou “A Paz”.

Já que algumas emissoras de TV não mostraram o evento, ao vivo, LEITURA SUBJETIVA, que está credenciado para fazer a cobertura destes Jogos, faz questão de lhe contar os principais acontecimentos:

Imagem: LEITURA SUBJETIVA/Diego Francisco

Às 16h47, a Esquadrilha da Fumaça deu um show no céu do Engenhão (foto 2). O público também pôde acompanhar pelo telão, enquanto as aeronaves estavam um pouco afastadas.

Às 17h58, foi anunciada a presença da presidenta Dilma Rousseff, sendo somente esta, aplaudida. Já o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, apesar de ter ficado ao lado dela, sequer foi mencionado. Ambos estavam acompanhados por outras autoridades, como os ministros da Defesa, Nelson Jobim, e o do Esporte, Orlando Silva, por exemplo.

A cerimônia começou realmente, por volta das 18h10. Cinco minutos depois, as pessoas ficaram de pé, para a execução do Hino Nacional e o hasteamento da bandeira brasileira, por Sílvia Nobre, a primeira mulher indígena militar deste país.

Imagem: LEITURA SUBJETIVA/Diego Francisco

As delegações dos países competidores começaram a entrar, às 18h26 (foto 3). Quatro minutos depois, a equipe argentina foi anunciada, e vaiada pelo público. Somente às 19h11, que se anunciou a seleção brasileira, que foi a última a entrar, por ser a anfitriã do evento. Algumas das nações que mais enviaram atletas foram a deste país, a da França, Alemanha, Estados Unidos e China.

Às 19h17, jovens entraram no estádio para uma apresentação coreografada. Às 19h41, o hino do CISM foi tocado e a bandeira da entidade foi hasteada. Dois minutos após, um discurso do presidente do CISM, coronel Hamad Kalkaba Malboum.

Imagem: Diego Francisco/Fábio Barbosa

Às 19h49, a presidenta Dilma Rousseff declarou a abertura oficial dos 5° Jogos Mundiais Militares. Em seguida, a marinheira Isabel Swan fez o juramento em nome de todos os atletas. Logo após, o 1° sargento Marcelo Henrique, em nome dos juízes e árbitros. Depois disso, houve outras apresentações com jovens.

Às 20h07, começou o revezamento da “Tocha da Paz”, passando na mão de três militares até chegar ao “soldado” Pelé, às 20h11. Dois minutos depois, o momento tão esperado: a Pira foi finalmente acesa (foto 4).

Reações:

0 Leitor(es) opinou(aram) :

Postar um comentário

Seu comentário será publicado, logo que aprovado, conforme Política de Uso do site.

O LEITURA SUBJETIVA agradece o seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Web Statistics