segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Escolas públicas cariocas terão ensino religioso a partir de 2012

A Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro aprovou, na última quinta-feira (29/9), o Projeto de Lei n° 862/2011, que determina a inclusão do ensino religioso à grade curricular das escolas públicas.

No entanto, a disciplina não é obrigatória. Tal informação deverá estar afixada em cartazes com locais visíveis, para informar aos pais.

Ao todo são 600 vagas para professores, que deverão ter no mínimo uma licenciatura em Sociologia, Antropologia ou História, ou também, ser bacharel em Teologia.

A Arquidiocese carioca comemorou a decisão, principalmente pela data, que é dedicada aos três santos-anjos Miguel, Rafael e Gabriel. E disse que a matéria – que será aplicada a partir de 2012 – não é catecismo. Os conteúdos serão aprovados pelas instituições religiosas.

De acordo com o prefeito Eduardo Paes, a disciplina faz parte da “construção coletiva do projeto político-pedagógico, garantindo a inversão dos valores morais, éticos e espirituais em todas as ações e espaços de convivência, além de preparar o aluno para a adversidade e para o conhecimento da idéia de transparência a partir de sua tradição religiosa”.

Reações:

0 Leitor(es) opinou(aram) :

Postar um comentário

Seu comentário será publicado, logo que aprovado, conforme Política de Uso do site.

O LEITURA SUBJETIVA agradece o seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Web Statistics