quinta-feira, 22 de novembro de 2012

México: presidente Calderón quer mudar o nome oficial do país

Informação atualizada em 25/11/2012, às 4h40

Imagem: Presidência do México / Reprodução

O líder asteca, Felipe Calderón (foto), informou, nesta quinta-feira (22/11), que pretende apresentar ao Congresso um projeto de Decreto para mudar a Constituição Política do país: em vez de se chamar “Estados Unidos Mexicanos”,  passaria simplesmente para “México”.

O atual nome foi uma inspiração no modelo de democracia estadunidense, quando o México se tornou independente da Espanha no século XIX. Naquela ocasião, vários nomes foram sugeridos, tais como: América Setentrional de Morelos, América Mexicana, Império Mexicano, Nação Mexicana, Anáhuac, República dos Estados de Anáhuac, República do México, México, República Mexicana e Estados Unidos Mexicanos.

O chefe de Estado ressaltou que perante os organismos internacionais como as Nações Unidas (ONU) e a Organização dos Estados Americanos (OEA), por exemplo, o país é chamado por “México”, não “Estados Unidos Mexicanos”.

A ideia de reforma constitucional desperta atenção, especialmente pelo fato de ele deixar o cargo nos próximos dias, o qual será assumido pelo recém-eleito Enrique Peña Nieto, no dia 1° de dezembro, depois de um conturbado processo eleitoral marcado por protestos da oposição.

Reações:

0 Leitor(es) opinou(aram) :

Postar um comentário

Seu comentário será publicado, logo que aprovado, conforme Política de Uso do site.

O LEITURA SUBJETIVA agradece o seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Web Statistics