sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Sean Goldman: avó ganha direito de visitá-lo, diz jornal

A avó do garoto Sean Goldman, Silvana Bianchi, ganhou na Justiça de Nova Jérsei (EUA) o direito de visitá-lo, segundo o jornal “Folha de São Paulo”. Contudo, não foi divulgado quando a Corte decidiu a favor dela, nem quando os encontros serão realizados.

Desde dezembro de 2009, quando foi entregue ao pai, David Goldman, no Consulado dos Estados Unidos no centro do Rio de Janeiro, que Silvana Bianchi tenta na justiça o direito de ver o neto.

Sabe-se que, em dezembro de 2010, por exemplo, a avó teria conversado com o neto por telefone numa chamada que durou seis minutos. Ainda em março daquele ano, ela teria tentado visitá-lo, porém teria sido supostamente impedida pelo pai que, alegou que o reencontro poderia atrapalhar a readaptação dos laços entre pai e filho, pelo fato de eles terem ficado por tanto tempo distantes.

O menino é alvo de disputa entre o pai americano e família brasileira da mãe, Bruna Bianchi – falecida em 2009, após dar a luz a uma filha de outro casamento –, desde que Sean ainda tinha quatro anos. Numa viagem com a mãe ao Brasil, ambos não voltaram mais para os Estados Unidos. Ela tinha decidido se separar de David Goldman. Atualmente, Sean tem 12 anos.

Vale lembrar que, ainda existe outro processo movido pelo padrasto de Sean Goldman, João Paulo Lins e Silva, que tenta garantir o direito de sua filha Chiara, atualmente com quatro ou cinco anos, de visitar o irmão. Não se sabe sobre o andamento dessa reivindicação. Após a separação com o estadunidense, Bruna Bianchi se casou com o brasileiro João Paulo, com quem teve uma filha chama.

Reações:

0 Leitor(es) opinou(aram) :

Postar um comentário

Seu comentário será publicado, logo que aprovado, conforme Política de Uso do site.

O LEITURA SUBJETIVA agradece o seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Web Statistics